Larissa Luz e ÀTTØØXXÁ são confirmados no #FestivalMada20

Anunciamos hoje mais dois nomes do line up Com data marcada para os dias 12 e 13 de outubro, no estádio Arena das Dunas, em Natal-RN, anunciamos hoje mais dois nomes do line up, Larissa Luz e ÀTTØØXXÁ . Além disso, também inicia a venda do primeiro lote com ingressos a partir de R$50,00. Cordel […]

Anunciamos hoje mais dois nomes do line up

Com data marcada para os dias 12 e 13 de outubro, no estádio Arena das Dunas, em Natal-RN, anunciamos hoje mais dois nomes do line up, Larissa Luz e ÀTTØØXXÁ . Além disso, também inicia a venda do primeiro lote com ingressos a partir de R$50,00. Cordel do Fogo Encantado, Jade Beraldo, Baiana System e Nação Zumbi também já estão confirmados.

Larissa Luz é uma das principais vozes da música negra baiana, indicada ao 17º Grammy Latino e ao Women’s Music Event, no ano passado. Além disso, no Carnaval de Salvador deste ano, convidou Pitty e Karina Buhr para desfilarem no trio Respeita as Mina, que causou alvoroço por onde passou. Já no palco, é conhecida por fazer um show bastante forte, com a iluminação mesclando com as projeções, performances de dança e discurso político.

Assim como Larissa, o  ÀTTØØXXÁ também é um representante da Bahia que nasceu do desejo de se criar uma sonoridade que atenda às expectativas sobre a música pop baiana. A intenção é, de fato, romper barreiras, principalmente sobre as questões que envolvem gênero, respeito e liberdade. Segundo a banda, todos esses pontos dizem muito sobre a necessidade de incluir a massa como protagonista em um novo contexto dentro das manifestações da música baiana, como o Carnaval. Além disso, a defesa da devolução do espaço e da voz que é de direito dos índios e negros também contribuiu para a união de Rafa Dias (idealizador e produtor musical), Oz (vocal), Raoni Knalha (vocal) e Chibatinha (guitarrista). O álbum e espetáculo #BLVCKBVNG têm como princípios o valor das coisas simples e #MeteDança, ou seja, no show o público não consegue ficar parado, está sempre dançando. Tudo isso mergulhado numa estética contemporânea, pop e afrofuturística.

Festival MADA | 1998

Vídeo resumo da primeira edição do Festival Mada, que aconteceu em 1998, no bairro da Ribeira, em Natal.